em Artigos

Segundo o Eurostat, Portugal é um dos países que menos investe em Investigação e Desenvolvimento (I&D) da União Europeia.

 

Foram divulgados os dados estatísticos que mostram que Portugal investiu apenas, em 2021, o equivalente a 75,6 euros por pessoa em Investigação e Desenvolvimento, que apesar de ser uma subida de 3 euros face ao ano anterior, ainda se situa muito abaixo da média comunitária que se fixa nos 244,3 euros.

 

A média europeia também subiu face ao ano homólogo em 6% (14,5 euros), um valor que Portugal, em termos absolutos, também não conseguiu acompanhar. Portugal é assim o nono país que menos investe em Investigação e Desenvolvimento, logo a seguir à Eslovénia (71,6 euros por pessoa), sendo o país com dotações mais baixas a Roménia com apenas 19 euros.

 

Não sendo de estranhar, os países mais evoluídos nesta questão são: o Luxemburgo, a Dinamarca e a Alemanha com, 689,1 euros, 530 euros e 470,9 euros, respectivamente. São também este os principais responsáveis pela subida da média de referência.

 

Ficou assim registado em 2021 um total de dotações orçamentos em toda a União Europeia de 109,3 milhões de euros.

Outras Publicações

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar