em Artigos

Na sequência dos sucessivos atrasos verificados na abertura dos novos concursos ao abrigo do Portugal2020, o Governo Português criou um mecanismo para rececionar as intenções de investimento. O Registo de Pedido de Auxílio chegou para facilitar a vida das empresas ao permitir que estas possam continuar a investir, sem estarem dependentes da data de arranque dos incentivos.

Importante é saber que o Pedido de Auxílio se destina apenas a projetos que têm urgência em serem iniciados, já que precisam de aproveitar as oportunidades de mercado. Os restantes beneficiários deverão aguardar pela publicação do Aviso de concurso para apresentar as suas candidaturas.

Mas a dúvida coloca-se quando as empresas pretendem interpretar o critério de urgência definido aquando do momento da candidatura. Apesar das sucessivas pesquisas e dos contactos efetuados com as entidades, a EWP Consulting não conseguiu esclarecer, até ao momento, o que de facto determina o critério de “urgência” no Registo do Pedido de Auxílio.

Apesar da atual demora na abertura dos concursos e até de algumas interrogações, a verdade é que os incentivos financeiros concedidos às empresas, no âmbito do Portugal 2020, têm desempenhado um papel fulcral, sobretudo quando se fala em investimento empresarial nas áreas da inovação e internacionalização.

Quer investir no seu negócio, mas não sabe como fazê-lo? Saiba como podemos ajudá-lo!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar